COB vai pagar R$ 4,6 milhões em bônus a medalhistas após recorde de pódios em Tóquio

Valor será repartido entre os 21 medalhistas que fizeram história no Japão. Veja quanto cada um vai receber

A campanha de 21 medalhas conquistadas nas Olimpíadas de Tóquio vai render dividendos para os atletas brasileiros que subiram ao pódio no megaevento, encerrado neste domingo. Os sete ouros, seis pratas e oito bronzes – recorde nacional em todas as edições – vão resultar em uma premiação no valor de R$ 4,6 milhões para os laureados.

O dinheiro será distribuído pelo COB (Comitê Olímpico do Brasil) de acordo com a cor da medalha. A entidade anunciou em junho que daria bônus para quem ficasse entre os três primeiros colocados na competição: o ouro valeria R$ 250 mil para indivíduos, R$ 500 mil para times com até seis integrantes e R$ 750 mil para equipes com sete ou mais; a prata tem prêmios entre R$ 150 mil e R$ 450 mil; e o bronze vai de R$ 100 mil a R$ 300 mil. As quantias são oriundas de verbas de patrocínios privados da entidade.

Fonte: G1

sobre Ronaldo Glaydson

Check Also

Brasil passa fácil pela Coreia e vai à final do vôlei feminino contra EUA

Seleção ignora bomba com doping de Tandara, domina rivais e vai encarar os EUA na …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *