Saúde

O jovem deu o pontapé inicial após o incentivo de um preparador físico, amigo de seu pai; fotos mostram antes e depois (Foto: Arquivo pessoal/Zadoque Nathan Souza de Arruda)

Acordar na hora do almoço, almoçar, beliscar uma bolacha recheada, tirar uma soneca e ver um pouco de televisão – essa era a rotina do jovem Zadoque Nathan Souza de Arruda, de 20 anos, todos os dias antes de ir para a faculdade à noite.

O sedentarismo do estudante o levou aos 159 kg e o colocou em um quadro de obesidade, com apenas 18 anos. “Não fazia atividade física e comia muito, a hora que tivesse vontade, e sempre em exagero”, lembra o cuiabano.

Zadoque chegou a procurar nutricionistas e psicólogos, mas nada dava certo – até que um dia, ele conheceu um preparador físico, amigo de seu pai, que o ajudou a fazer a mudança de que tanto precisava. “Ele conversou comigo e disse que eu tinha que mudar de vida e mudar meus hábitos”, conta. O especialista aconselhou o estudante a começar a fazer atividade física e a mudar a alimentação, e indicou também o uso de um suplemento alimentar. “Tomei só nos três primeiros meses, mas depois parei e segui só com a dieta e o exercício”, diz o jovem.

Acostumado a passar o dia sentado vendo televisão, o estudante precisou trocar o sofá pelas ruas e passou a caminhar todos os dias, inclusive aos finais de semana. “Eu estava quase entrando em depressão porque não queria sair, ficava só em casa. Fora isso, quando saía, andava um pouco e já ficava cansado. Era muito difícil”, lembra. Com o tempo, Zadoque começou a ganhar cada vez mais condicionamento físico e a caminhada logo se transformou em corrida. “Agora eu consigo correr 5 km todos os dias”, celebra.

A alimentação também mudou bastante e o cuiabano passou a comer a cada 3 horas e sempre alimentos mais leves, como frutas, saladas, carnes brancas e cereais. “De setembro de 2012 a setembro de 2013, mudei radicalmente. Fiz uma escolha e hoje não tomo mais refrigerante e não como mais doce”, afirma satisfeito.

O problema é que a mudança começou perto da passagem do ano e Zadoque teve que superar a dificuldade de resistir às tentações das festas de Natal e Ano Novo. “No começo, foi muito difícil porque eu sentia muita falta, mas não perdi a determinação e continuei”, lembra.

Calçar um tênis já era difícil. Até mesmo subir em uma árvore, que eu nunca fiz, eu consegui. São coisas pequenas que mudam, que não percebemos que faz falta."
Zadoque Nathan Souza de Arruda

O esforço valeu a pena e, de lá para cá, o estudante já perdeu 79 kg e hoje celebra os 80 kg na balança. “Eu tinha meus exames sempre em risco, estava com início de pressão alta e hoje está tudo normal”, conta.

Zadoque comemora ainda a vitória de poder realizar atividades simples, que antes não conseguia. “Calçar um tênis já era difícil. Até mesmo subir em uma árvore, que eu nunca fiz, eu consegui. São coisas pequenas que mudam, que não percebemos que faz falta”, avalia o jovem.

Por causa da perda de peso, o jovem passou a levar uma vida muito mais ativa do que levava antes. “Hoje eu saio mais com os meus amigos, faço aula de música e vivo a vida de uma pessoa com 20 anos”, diz. Ele segue mantendo o novo estilo de vida e diz que ainda pretende chegar aos 75 kg e ganhar músculos. “Quero entrar na academia. Continuo firme e forte e não pretendo parar”, conclui.

 

Com 80 kg na balança, Zadoque diz que leva uma vida ativa e digna de um jovem de 20 anos; fotos mostram antes e depois (Foto: Arquivo pessoal/Zadoque Nathan Souza de Arruda)
 
O jovem mudou de atitude após o incentivo de um preparador físico, amigo de seu pai; fotos mostram antes e depois (Foto: Arquivo pessoal/Zadoque Nathan Souza de Arruda)
 

Mais Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
Ministro Barroso diz que proibição da condução coercitiva foi 'esforço para desautorizar juízes corajosos'

Ministro Barroso diz que proib…

 Para ele, fim do expediente pode levar a ...

PRF recupera no RN carga roubada na Paraíba avaliada em mais de R$ 400 mil

PRF recupera no RN carga rouba…

 Carga foi recuperada em Goianinha, no Les...

Operações da Lei Seca flagram 120 motoristas sob efeito de álcool no RN

Operações da Lei Seca flagram …

Notificações e prisões aconteceram entre a sext...

'Estamos à beira de um colapso no abastecimento de gás de cozinha no RN', diz Singás

'Estamos à beira de um colapso…

 Segundo presidente do sindicato das empre...

STF aceita denúncia e torna Agripino Maia réu por corrupção, lavagem de dinheiro e uso de documento falso

STF aceita denúncia e torna Ag…

 Senador é acusado pela PGR de ter recebid...

TRE indefere candidatura e invalida eleição suplementar no interior do RN

TRE indefere candidatura e inv…

 Pleito aconteceu no dia 3 de junho passad...

Mãe e filho são assassinados dentro de casa em cidade do interior do RN

Mãe e filho são assassinados d…

 Crime aconteceu nesta terça-feira (12) em...

Análise: quarteto da Seleção se escala para Copa, mas tem questões a responder

Análise: quarteto da Seleção s…

 Atuação do Brasil na vitória sobre a Áust...

Hot topics

Follow us