Polícia canadense diz que prendeu suspeito de matar agentes em tiroteio

Anúncio da prisão foi feito na conta da Polícia Montada no Twitter.

 

 
 
Homem fortemente armado, que a polícia identificou como Justin Bourque, anda por uma rua de Moncton nesta quinta-feira (5)  (Foto: AP Photo/The Canadian Press, Moncton Times & Transcript, telegraphjournal.com, Viktor Pivovarov)Suspeito nda por uma rua de Moncton nesta quinta
(Foto: AP Photo/The Canadian Press, Moncton Times
& Transcript, telegraphjournal.com, Viktor Pivovarov)

  A Polícia Montada do Canadá anunciou na madrugada desta sexta-feira (6) a prisão de Justin Bourque, suspeito pelo assassinato de três agentes na cidade de Moncton na noite da última quarta-feira (4).

  A polícia canadense informou através do Twitter que "Justin Bourque foi detido às 0h10 locais (mesmo horário de Brasília) em Moncton. Está sob custódia policial. Os moradores do norte de Moncton agora podem sair de suas casas".

  As autoridades canadenses tinham mobilizado centenas de agentes para a captura de Bourque, de 24 anos de idade, em um bairro do norte de Moncton, cidade com cerca de 70 mil habitantes na costa leste do país.

  Segundo a polícia, Bourque foi visto portando pelo menos dois rifles automáticos de grosso calibre e foi o autor de uma emboscada na noite de quarta-feira, por motivos ainda desconhecidos, contra cinco agentes da Polícia Montada, que responderam a uma denúncia de que um indivíduo fortemente armado estava circulando pelas ruas de Moncton.

  Após a troca de tiros, Bourque se escondeu em uma área de floresta no norte de Moncton. A polícia avistou o suspeito em pelo menos três ocasiões, a última no começo da manhã de quinta-feira, mas foi incapaz de deter o suspeito.
As autoridades locais ordenaram o fechamento dos colégios da cidade e a suspensão de vários serviços públicos nesta quinta-feira para facilitar as operações de captura do suspeito.

  A polícia alertou os residentes do norte de Moncton para que permanecessem dentro de suas casas, "com as portas fechadas", enquanto seus agentes bloqueavam todas as estradas da região.
Várias testemunhas que cruzaram com Bourque imediatamente antes ou depois do incidente com os policiais disseram à imprensa local que o suspeito não parecia interessado em atacar o público em geral, mas apenas os agentes de segurança.

  A polícia informou que Bourque não tem antecedentes criminais, mas que o perfil do suspeito no Facebook está cheio de referências a sua paixão pelas armas, sua desconfiança em relação às autoridades e à polícia e mensagens de violência.

Fonte: G1

 

Mais Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
Homem assassina 2 filhas, fere ex-sogra e se mata no interior de SP

Homem assassina 2 filhas, fere…

 Suspeito foi até a casa da ex-companheira pois...

PGR se manifesta contra concessão de habeas corpus a Lula

PGR se manifesta contra conces…

 Defesa de Lula pediu ao STF que ele só se...

Beija-Flor é a campeã do carnaval 2018 do Rio

Beija-Flor é a campeã do carna…

 Com críticas ao "Brasil monstruoso", esco...

Motoqueiro é assaltado e morre após sofrer tiro nas costas em São Goncalo

Motoqueiro é assaltado e morre…

 Vítima estava a caminho do trabalho quand...

Corpo esquartejado e queimado é encontrado em Macaíba

Corpo esquartejado e queimado …

 Vítima ainda não identificada foi deixada...

Condenado por roubo é executado com dez tiros dentro de casa, na zona Oeste

Condenado por roubo é executad…

 Wellington Nascimento ainda foi atendido ...

Cabeleireiro é encontrado morto em salão de beleza na zona Oeste

Cabeleireiro é encontrado mort…

 Vítima apresentava ferimentos no corpo pr...

Jogadores denunciam golpe aplicado por "fake" que enganou clube de Natal

Jogadores denunciam golpe apli…

 Dono de currículo falso, Denis Vieri é di...

Baleado na cabeça em tentativa de assalto em Natal, motorista recebe alta e celebra aniversário em casa

Baleado na cabeça em tentativa…

 Rodeado de familiares e amigos, Hugo Luca...

Hot topics

Follow us