Série de explosões atinge mercado e mata dezenas de pessoas na China

Segundo agência de notícias oficial, mais de 30 pessoas morreram.

 

Ao menos 30 pessoas morreram e 90 ficaram feridas em uma série de explosões registradas em um mercado da cidade de Urumqi, capital da província de Xinjiang, no noroeste da China nesta quinta-feira (22), segundo informações da agência oficial 'Xinhua'.

O incidente ocorreu às 7h50 locais (20h50 de Brasília da quarta-feira), quando dois veículos atropelaram várias pessoas que estavam no mercado e seus ocupantes lançaram vários explosivos na rua. Um dos veículos também explodiu, segundo a 'Xinhua'. A polícia isolou a área e os feridos foram transferidos para um hospital próximo.

Os internautas publicaram fotos do incidente nas redes sociais mostrando vários feridos no chão e pessoas ajudando os atingidos. Outras mostram uma densa coluna de fumaça por trás de um bloco de edifícios e um incêndio na rua do mercado.

A região de Xinjiang é cenário frequente de enfrentamentos entre as autoridades e grupos extremistas, muitos deles dirigidos por membros da etnia uigur (uma das majoritárias do local) que reivindicam a independência dessa região com o nome de "Turquestão Oriental".

No dia 30 de abril, um ataque com facas em uma estação de trem da mesma cidade causou a morte de três pessoas, entre elas dois dos responsáveis pelo incidente, e também deixou 79 feridos.

Outro atentado parecido aconteceu no dia 1º de março, quando 33 pessoas morreram (entre elas quatro dos responsáveis pelo ataque) e mais de 140 ficaram feridas na estação ferroviária de Kunming, no sul da China.

A província de Xinjiang, situada na fronteira com Afeganistão e Paquistão, é povoada por várias etnias muçulmanas ligadas aos povos da Ásia Central, como os uigures e, segundo o governo chinês, nela operam grupos terroristas ligados à Al Qaeda.

No entanto, grupos uigures no exílio acusam Pequim de usar o terrorismo como desculpa para reprimir a religião e a cultura de seu povo.

Fonte: G1

 

Mais Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
Mais de 100 aeronaves e 14 países participam de exercícios de guerra em Natal; veja fotos

Mais de 100 aeronaves e 14 paí…

  Esta é a 8ª edição do Exercício Cruzeiro...

É 'desumano' dar aos mais pobres atendimento sem 'garantia', diz Bolsonaro sobre cubanos

É 'desumano' dar aos mais pobr…

 Presidente eleito voltou a criticar regra...

Quatro freiras sobrevivem a capotamento de carro na BR-427, no RN

Quatro freiras sobrevivem a ca…

 Segundo a PRF, acidente aconteceu na manh...

'Duvidam da nossa formação', diz médico cubano que revalidou diploma no Brasil

'Duvidam da nossa formação', d…

 Osmany Garbey Charadan, de 37 anos, casou...

Corpo de mototaxista é encontrado em mata na Grande Natal

Corpo de mototaxista é encontr…

 Corpo foi achado em Goianinha e suspeita ...

Número de desaparecidos em incêndio no norte na Califórnia passa de 600

Número de desaparecidos em inc…

 Maior parte dos desaparecidos é formada p...

Presos há um ano, deputados custam R$ 6,6 milhões e Alerj nunca discutiu cassação

Presos há um ano, deputados cu…

 Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albert...

Inscrições para concurso da Controladoria Geral do RN são abertas

Inscrições para concurso da Co…

 Prazo começa nesta terça-feira (13) e se ...

Candidato a prefeito em eleição suplementar no RN tem carro atingido por tiros

Candidato a prefeito em eleiçã…

 Crime aconteceu na noite desta segunda (1...

Hot topics

Follow us