Caso Vitória: Polícia Civil diz que menina foi morta por engano por dívida de R$ 7 mil

 Homem afirmou que devia dinheiro para um traficante e que tem irmã com as mesmas características da menina que foi morta em Araçariguama (SP).

 

 A Polícia Civil esclareceu, na tarde desta terça-feira (3), que a adolescente Vitória Gabrielly Guimarães Vaz, de 12 anos, foi morta por engano.

 De acordo com a informações da polícia, o depoimento de um homem ouvido hoje no Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa foi decisivo para que fosse descoberta a motivação do crime.

 O homem disse aos policiais que devia cerca de R$ 7 mil a um traficante e que, por isso, estava recebendo ameaças de morte. A testemunha afirmou, ainda, que tem uma irmã com as mesmas características de Vitória Gabrielly e que sabia que o traficante para quem devia costuma punir integrantes da família dos devedores.

 Dois delegados do Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) estiveram em Mairinque nesta terça para entregar o depoimento da testemunha aos policiais que investigam o caso.

Morta por engano

 Até então, três pessoas foram indiciadas por homicídio doloso por suspeita de participação no caso, que corre sob segredo de Justiça: servente de pedreiro Júlio César Lima Ergesse e o casal Bruno Marcel de Oliveira e Mayara Borges de Abrantes, todos de Mairinque.

 O homem que prestou depoimento hoje afirmou que conhece o casal e também o servente, que apontou como usuário de drogas.

 Durante o interrogatório, no dia 8 de junho, data em que a menina desapareceu ao sair de casa para andar de partins, o servente disse à polícia que foi até Araçariguama acompanhado de Bruno, Mayara e Vitória, para cobrar uma dívida de drogas.

 O crime chegou a ser investigado como vingança, mas a principal hipótese era de que a vítima teria sido pega por engano pelos criminosos - o que acabou sendo confirmado com o depoimento da testemunha nesta terça-feira.

Relembre o caso

 Vitória Gabrielly desapareceu na tarde do dia 8 de junho, quando saiu para andar de patins, em Araçariguama. Uma câmera de segurança registrou a menina na rua no dia do sumiço.

 A adolescente foi encontrada morta oito dias depois, em 16 de junho, em uma mata às margens de uma estrada de terra, no bairro Caxambu, em Araçariguama.

 Segundo a polícia, a garota estava com os pés e as mãos atados e o corpo amarrado a uma árvore. Vitória usava a mesma roupa que vestia no dia em que sumiu e os patins foram encontrados perto do corpo.

 A morte da menina comoveu a cidade de Araçariguama, que se mobilizou para encontrá-la. Cerca de duas mil pessoas participaram do enterro.

 

Fonte: G1

Mais Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
Pesquisa Datafolha de 20 de setembro para presidente por sexo, idade, escolaridade, renda, cor, religião e região

Pesquisa Datafolha de 20 de se…

 Confira os números da pesquisa por segmen...

Homem é preso em flagrante em um desmanche de motos na Zona Oeste de Natal

Homem é preso em flagrante em …

 Polícia Militar conseguiu identificar peç...

Servidores fantasmas da Assembleia Legislativa do RN recebem Bolsa Família, diz MP

Servidores fantasmas da Assemb…

 Eles são investigados na Operação Canastr...

PM prende dois casais durante arrastão em uma casa na Grande Natal

PM prende dois casais durante …

 Crime aconteceu na noite desta quarta-fei...

Casal assalta bancário e filha em praça no Tirol

Casal assalta bancário e filha…

 Uma das vítimas teve o veículo roubado pe...

Dois são presos e material usado para arrombar caixas eletrônicos apreendido em Parnamirim, RN

Dois são presos e material usa…

 Prisão foi feita pelo Batalhão de Choque ...

Jogador brasileiro de vôlei é encontrado morto na Espanha

Jogador brasileiro de vôlei é …

 Vinicius Noronha, de 26 anos, tem morte c...

Bolsonaro segue estável e 'com função intestinal em recuperação', diz boletim médico

Bolsonaro segue estável e 'com…

 Candidato do PSL comentou nas redes socia...

Jair Bolsonaro passa por nova cirurgia em SP; candidato passa bem

Jair Bolsonaro passa por nova …

 Procedimento durou cerca de 1 hora e foi ...

Hot topics

Follow us