PF ouve diretor da Rodrimar sobre documento apreendido na empresa com nome de Temer

 PF encontrou uma folha de papel contendo o nome de várias empresas e pessoas físicas, incluindo "Michel Temer".

 

 Polícia Federal ouviu na última quinta-feira (5) o diretor comercial e de logística da Rodrimar, Willy Reginaldo Maxwell, sobre um documento encontrado na empresa durante busca e apreensão no dia 29 de março, na Operação Skala, com o nome do presidente Michel Temer.

 Durante as buscas em escritórios da Rodrimar, a Polícia Federal encontrou uma folha de papel contendo o nome de várias empresas e pessoas físicas, incluindo "Michel Temer".

 Segundo o auto de apreensão, o papel foi encontrado na sala de um gerente da empresa, no quinto andar – Willy Maxwell. 

 À PF, segundo o blog apurou, Maxwell disse ocupar a função de diretor na empresa e que "não tem ideia do por que o nome do presidente Michel Temer constar do papel". Ele afirmou à delegada Patricia Klarosk, na Polícia Federal em Santos, que a sua sala na Rodrimar fica no "quarto andar, e que o papel foi arrecadado de uma mesa do setor de qualidade no quinto andar".

 Ele disse não saber quem fez o papel, apenas que o documento foi encontrado na "sala de qualidade" da Rodrimar. O diretor disse aos investigadores que "muitas vezes papéis antigos são feitos de rascunhos" e que, pelos nomes ali, acreditava que eram para algum evento antigo da empresa porque dois dos nomes eram de pessoas falecidas há pelo menos dez anos.

 O depoimento dele faz parte das investigações do inquérito do Portos, que apura se Temer beneficiou empresas do setor de Portos, como a Rodrimar, com a edição de um decreto em 2017. O presidente nega.

 No fim de março, a Operação Skala, autorizada pelo ministro Luís Roberto Barroso do STF, prendeu amigos do presidente envolvidos na mira desta investigação. Entre os presos, o coronel aposentado da Polícia Militar João Batista Lima Filho.

 Durante a busca na Rodrimar, a PF encontrou também uma folha de papel com relação de empresas, entre elas, a Argeplan – que é de propriedade de Lima.

 Lima e Temer são amigos há décadas. O coronel aposentado, para os investigadores, atua como interlocutor de Temer e é suspeito de receber propina que seria destinada ao emedebista.

 No depoimento à PF, o diretor da Rodrimar Willy Maxwell disse que "desconhece qualquer negócio" que a Argeplan tenha com a Rodrimar. E que só conhece Lima da televisão, assim como o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures – que ficou conhecido como homem da mala da JBS.

 O diretor da Rodrimar disse que foi contratado na empresa pelo então presidente da empresa, Celso Grecco.

 Grecco, que foi um dos presos na Operação Skala, disse em seu depoimento à PF que tratou de concessões portuárias com Temer – e que o presidente, então vice, teria dito: "vou ver o que posso fazer".

 O Palácio do Planalto nega a conversa, e disse que Temer nunca recebeu ou aceitou pedidos da Rodrimar.

Fonte: G1

 

Publicidade:

Mais Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
'Poder popular não precisa mais de intermediação', diz Bolsonaro no discurso da diplomação

'Poder popular não precisa mai…

 No discurso, Bolsonaro elogiou Justiça El...

Filho de Bolsonaro diz que não está decidido se Direitos Humanos seguirá como ministério

Filho de Bolsonaro diz que não…

 "Nem está decidido se realmente vai ter e...

Segunda Turma do STF decide nesta terça-feira se concede liberdade a Lula

Segunda Turma do STF decide ne…

 Defesa do ex-presidente apresentou novo p...

Árvore e Natal de Mirassol é acesa com programação cultural

Árvore e Natal de Mirassol é a…

 Com 112 metros de altura, estrutura tem c...

Guarda municipal e mulher são baleados em tentativa de assalto no litoral Sul do RN

Guarda municipal e mulher são …

 Crime aconteceu em Pirangi do Sul, nesta ...

Comerciante é assassinado a tiros na Zona Norte de Natal

Comerciante é assassinado a ti…

 Crime aconteceu na noite desta segunda-fe...

Robinson Faria é condenado por conduta vedada durante as eleições 2018 no RN

Robinson Faria é condenado por…

 Governador terá que pagar multa de R$ 7.5...

Marília Mendonça faz show surpresa em Natal

Marília Mendonça faz show surp…

 Cantora chegou à capital potiguar com a a...

Polícia Civil prende suspeito de matar mulher com tiros no rosto em Macaíba, RN

Polícia Civil prende suspeito …

 Crime aconteceu no dia 17 de setembro. Ví...

Hot topics

Follow us